MOSTRA DE DANÇA INFANTIL A NOITE É UMA CRIANÇA ENCERRA MAIS UMA EDIÇÃO DE SUCESSO

A oitava edição de A Noite é uma Criança – Mostra de Dança Infantil chegou ao seu final, consagrando-se como um dos maiores eventos do gênero no Brasil. De 22 a 25 de outubro, quase dois mil bailarinos de até 14 anos apresentaram no palco do Teatro Governador Pedro Ivo, anexo ao Centro Administrativo do Estado de Santa Catarina, em Florianópolis, o trabalho de 66 coreógrafos.

Foram 98 academias, companhias, escolas e grupos do Paraná – Matinhos e Pinhais; Rio Grande do Sul – Porto Alegre; e Santa Catarina – Balneário Camboriú, Biguaçu, Criciúma, Florianópolis, Forquilhinha, Governador Celso Ramos, Itajaí, Itapema, Jaraguá do Sul, Joinville, Navegantes, Orleans, Palhoça, Santo Amaro da Imperatriz, São Bento do Sul, São José, São Ludgero e Urussanga – representantes de 21 municípios brasileiros.

Um público estimado em quatro mil pessoas aplaudiu crianças e adolescentes que interpretaram 197 coreografias nas categorias Baby (quatro a seis anos), Infantil (sete a 11 anos) e Infanto-Juvenil (12 a 14 anos), em 13 modalidades diferentes: balé, balé clássico, dança contemporânea, dança de rua, dança de salão, dança folclórica, dança moderna, dança popular, dança-teatro, estilo livre, hip hop, jazz e jazz dance.

Foram exibidas cerca de 11 horas de dança, sem repetir um único trabalho coreográfico. Uma média de uma hora e 25 minutos de apresentação em cada uma das oito sessões.

Presenças especiais

Além dos bailarinos inscritos, o público teve a oportunidade de assistir a duas produções locais convidadas. Cinco crianças do Grupo de Dança Primeiros Passos, do Colégio Criativo, interpretaram a coreografia em estilo livre “Oficina do Gepeto”, criada pelas professoras Fernanda Marafioti e Fabíola Neves.

Já o RB Studio de Dança, grupo adulto dirigido por Ronaldo Rodrigues e Bi Almeida, apresentou fragmentos do espetáculo de dança de salão “Cartoondança”. Inspirado em personagens de histórias em quadrinhos, desenhos animados, séries de TV e outras figuras que povoam o imaginário infantil, pôs para dançar a boneca Emília e o Visconde de Sabugosa, do “Sítio do Pica-Pau Amarelo”; “Os Flintstones” e a “Turma da Mônica”.

O ator Wellington Nogueira, fundador e coordenador geral dos Doutores da Alegria, a convite dos organizadores da mostra, esteve na tarde do dia 22 no Hospital Infantil Joana de Gusmão, para visitar crianças e adolescentes internados de zero a 15 anos. À noite, durante a solenidade de abertura no Teatro Governador Pedro Ivo, recebeu homenagem como padrinho da edição deste ano.

Formado pela Academia Americana de Teatro Dramático e Musical de Nova York, onde trabalhou em algumas das melhores companhias de teatro, cinema e circo dos Estados Unidos, Wellington voltou ao Brasil e fundou o projeto Doutores da Alegria no Hospital e Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (atual Hospital da Criança), em São Paulo, há 18 anos. Hoje, a ONG conta com um elenco de cerca de 50 atores-palhaços profissionais que atuam em 14 hospitais em São Paulo, Recife e Belo Horizonte, além de manter programas de formação e intercâmbio com interessados de todo o País.

Mostra Paralela

Pela segunda vez, foi realizada uma mostra paralela no auditório do Centro de Estudos Miguel Salles Cavalcanti, no Hospital Infantil Joana de Gusmão. A iniciativa integrou a programação do Mês da Criança da instituição e foi dirigida a pacientes internados em diversas especialidades médicas que não podem ir ao teatro assistir às apresentações da mostra oficial, bem como acompanhantes, familiares e funcionários.

Cerca de 100 pessoas de várias cidades do Estado, na tarde do dia 15, aplaudiram o Centro Educacional Harmonia, o RB Studio de Dança e o Studio de Dança do Instituto Estadual de Educação (IEE), de Florianópolis, mais o Grupo Guerreiros da Luz, de São José. Um total de 38 bailarinos interpretou sete coreografias de balé clássico, dança de salão e estilo livre. Intercalando os números, o palhaço Babão, encarnado pelo artista Sérgio Ricardo da Silva, animou a plateia com piadas, brincadeiras e esculturas de balão, fazendo com que todos cantassem e se divertissem. As crianças também foram presenteadas com doces e guloseimas.

Novidade

Este ano, A Noite é uma Criança ganhou um jingle. Todas as sessões da mostra oficial, bem como a mostra paralela, foram sonorizadas com a composição de Maciel Torres e Marcelo Schurhaus, que também assinaram os arranjos. A melodia de fácil memorização e a letra, que relaciona os sonhos e a alegria contagiante das crianças com a dança e o encontro nacional sediado na Ilha de Santa Catarina, caiu no gosto da plateia. A canção foi gravada pela cantora Lilian Rodrigues.

Valorização profissional

Implantada ano passado para valorizar o profissional da dança, a ajuda de custo foi ampliada de quatro para cinco patamares e com valores aumentados. Os coreógrafos que inscreveram 10 bailarinos ou mais receberam o auxílio, variando entre R$ 100,00 e R$ 500,00. Ao todo, foram repassados R$ 16 mil, com vistas ao fomento da produção artístico-cultural.

Responsabilidade social

Organizada por Lenise Pavan Gonzaga de Andrade, diretora geral, e Carlos Eduardo Lourenço de Andrade, coordenador geral, a mostra não tem caráter competitivo e, entre seus objetivos, estão estimular as formas inovadoras de pesquisa em dança, divulgar e incentivar a dança como forma de expressão, valorizar e incentivar o intercâmbio entre grupos e bailarinos e promover a dança-educação.

Além da ajuda de custo de acordo com o número de inscritos, como forma de estímulo, os coreógrafos tiveram isenção de taxa de inscrição e receberam como reconhecimento um certificado de participação e um troféu. E cada um dos pequenos e jovens bailarinos, além do certificado, foram brindados com medalhas.

E, com a venda de ingressos, foram arrecadadas cerca de três toneladas de alimentos não-perecíveis, que serão distribuídos para entidades assistenciais da Grande Florianópolis.

Patrocínios & apoios

A Noite é uma Criança – VIII Mostra de Dança Infantil teve o patrocínio da loja de moda infantil Ai Bai Bia e o apoio do Governo do Estado de Santa Catarina, por meio da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte.

Assessoria de comunicação:

A Noite é uma Criança – VIII Mostra de Dança Infantil

www.mostradedanca.com.br

Marcos Reichardt Cardoso

(SC 00461 JP)

(48) 9972-0991

marcosreichardtcardoso@yahoo.com.br

Anúncios

Uma resposta para “MOSTRA DE DANÇA INFANTIL A NOITE É UMA CRIANÇA ENCERRA MAIS UMA EDIÇÃO DE SUCESSO

  1. eu queria participar deve ser legal

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s