Espetáculo de Gala de Tango

Marcado para este sábado (27.02), às 21h00, no Teatro Governador Pedro Ivo, o tão aguardado “Espetáculo de Gala de Tango”, que há cinco anos consecutivos abrilhanta a temporada de verão na Ilha de Santa Catarina. A apresentação, como de praxe, coroa o Congresso Internacional de Tango – Florianópolis Tango, que nesta quinta edição reúne cerca de 200 participantes de dez estados de todas as regiões do Brasil, além da Argentina, Uruguai e Estados Unidos.

O espetáculo, dirigido pelo bailarino e coordenador do evento Fabiano Silveira, tem duração aproximada de 90 minutos. Segue o tradicional formato, no qual seis casais de professores do congresso interpretam duas coreografias cada um e, ao final, dançam todos juntos. Este ano, serão acompanhados pela Orquestra Tango El Magro, de Buenos Aires, regida pelo maestro Pablo Motta.

Estão no elenco Eduardo e Gloria Arquimbau, Francisco Forquera e Carolina Bonaventura, Pablo Garcia e Mariana Dragone, Adrian Veredice e Alejandra Hobert, mais Lorena Ermocida, todos da Argentina, junto com o próprio anfitrião Fabiano Silveira, e ainda Edson Nunes e Alexandra Kirinus, de Porto Alegre. Haverá a participação dos cantores Roxana Fontan, também de Buenos Aires, e Gustavo Lorenzo, argentino que vive em Florianópolis.

As poltronas são numeradas e os ingressos custam R$ 80,00 (inteira). A meia-entrada, a R$ 40,00, será vendida a quem comprar antecipadamente, estudantes, idosos acima de 60 anos e sócios (titular e um acompanhante) do Clube do Assinante do grupo RBS. É bom lembrar que quem está matriculado no congresso tem seu lugar garantido, pois a inscrição inclui entrada para o espetáculo. Portanto, parte dos bilhetes já está reservada.

PONTOS DE VENDA

*Studio de Dança Fabiano Silveira – dia 26/02, das 14h00 às 22h00. Rua São Jorge, nº 202, atrás do Hippo Supermercado, centro. Informações: (48) 3222-9292 e www.fabianosilveira.com.br.

*Teatro Governador Pedro Ivo – dias 26/02, das 13h00 às 19h00, e 27/02 das 14h00 até o início da sessão. Anexo ao Centro Administrativo do Governo do Estado de Santa Catarina, Rodovia SC-401, km 5 – Saco Grande. Informações: (48) 3233-7229 e www.fcc.sc.gov.br.

*Bilheteria do Centro Integrado de Cultura (CIC) – dia 26/02, das 13h00 às 19h00. Avenida Irineu Bornhausen, nº 5.600, Agronômica. Informações: (48) 3953-2300 e www.fcc.sc.gov.br.

*Majestic Palace Hotel – dias 26/02, das 10h00 às 19h00, e 27/02, das 10h00 às 17h00. Avenida Beira-Mar Norte, nº 2746, centro. Informações: (48) 3231-8000.

ARTISTAS

Gloria e Eduardo Arquimbau (Buenos Aires/Argentina)

São uma das duplas lendárias da história do tango mundial. Juntos há 50 anos, começaram com Francisco Canaro. Participaram do musical “El Tango”, entre 1985 e 1992. Foram coreógrafos e bailarinos do espetáculo “Por Siempre de Tango”, em San Francisco, Califórnia, em 1994 e 1995. Turnês pela Europa, Ásia e Estados Unidos fazem parte de sua agenda disputadíssima. Gloria e Eduardo são os mais respeitados e prestigiados professores do tango milonguero e valsa da atualidade. Marca a sua trajetória o fato de ser o primeiro casal a acompanhar uma orquestra de tango sobre um palco.

Mariana Dragone e Pablo Garcia (Buenos Aires/Argentina)

Pertencem à Tango X2, uma das melhores companhias de tango do mundo, dirigida por Miguel Angel Zotto. Bailarinos, coreógrafos e professores com ampla trajetória e reconhecimento internacional, já levaram sua arte por diversos países, como Brasil, Chile, China, Espanha, Estados Unidos, França, Grécia, Holanda, Inglaterra, Israel, Itália, Japão e Suíça.

Alejandra Hobert e Adrian Veredice (Buenos Aires/Argentina)

Ele fazia educação física e ela estudava arquitetura, até se envolverem com o tango a ponto de se dedicarem exclusivamente à dança. Dupla carismática da nova geração de bailarinos argentinos, se conheceram há cerca de doze anos. Sua diversidade artística é a fonte do desenvolvimento de seu estilo, simplicidade e elegância únicos, com os quais construíram rápida reputação. Mestres e dançarinos em grandes festivais, como os realizados em Amsterdam, Berlim, Bruxelas, Istambul, Londres, Paris, Rio de Janeiro e Roma.

Em Buenos Aires, integram a equipe de professores do Congresso Internacional de Tango Argentino e do Campeonato Mundial de Danças de Salão, organizado pelo Conselho Mundial de Dança (World Dance Council). Nos Estados Unidos, são professores da escola Fred Astaire Studios e também em diversas associações de tango da Europa, Austrália e Ásia. São os artistas principais e coreógrafos do show “Otango” e da Orquestra Tanguísimo, com apresentações nos teatros mais importantes de Europa e dos Estados Unidos. Após o congresso de Florianópolis, eles seguirão a agenda de compromissos pela Argentina, Itália, Malásia, Hong Kong, Emirados Árabes, Romênia, Canadá, Alemanha, Suécia, Grécia, Turquia e Espanha.

Carolina Bonaventura e Francisco Forquera (Buenos Aires/Argentina)

Bailarinos, professores e coreógrafos de formação artística integral, iniciaram carreira há mais de uma década. Conservando o que existe de mais puro no tango, adquiriram uma linguagem corporal que os permite criar, sem perder o tradicional – incorporando elementos de outras disciplinas, que complementam a capacidade interpretativa e docente. Em Mariposita de San Telmo, misto de hotel, butique, estúdio e espaço cultural encravado em tradicional endereço de Buenos Aires, eles desenvolvem sua concepção artística e didática, dirigindo a Mariposita Tango Cia. e o Ballet de Mariposita. Como coreógrafos e diretores, sua companhia já esteve em turnê na Alemanha, Bélgica, Brasil, Caribe, Holanda, Itália e Rússia.

Francisco já participou, como bailarino, dos espetáculos “Tango y Tango” (1996); “Forever Tango” (2001 a 2005); “La Pasión del Tango”, com a Orquestra Filarmônica de Los Angeles, dirigida por Héctor Zaraspe, sendo o primeiro-bailarino (2006); musicais da Broadway, como “Camila”, também no posto de primeiro-bailarino (2000 e 2001); Bienal de Dança, em Lyon (2004); “Tango Dream”, Bali e Miami (2005); TV Good Morning América, Estados Unidos (2003); comercial de TV (2003); Vraison (2003); filme “Destinos Cruzados”, com Harrison Ford (2000); Ballroom Dance Extravaganza, Nova York (2007); e “Tango Buenos Aires”, Arizona (2007). Como mestre e artista, esteve em festivais nas Américas, Europa, Estados Unidos, Canadá e Ásia.

Carolina Bonaventura integrou o elenco de “Tango Venus”, Japão (2004); “Fantasía de Tango”, Suécia (2002); “Fascinación de Tango”, Seul (2002); “Tango Máxima”, junto à Orquesta Sexteto Canyengue, Holanda (2002); “Chanta Cuatro Tango”, Beirute (2000); shows na capital argentina, como “Piazzolla Tango”, “Copes Tango Copes”, “El Querandí”, “La Tangoteca”, “Taconeando” e do documentário “Tango, el Espíritu de Argentina”, junto a companhia Tango Metrópolis. Também esteve em festivais na América do Sul, Ásia, Europa e Oceania.

Lorena Ermocida (Buenos Aires/Argentina)

Participou de importantes festivais internacionais e fez parte da famosa companhia Tango X2. Em 1999, junto com o bailarino Osvaldo Zotto (falecido em janeiro deste ano), foi convidada pelo cantor espanhol Julio Iglesias para integrar o elenco de seus espetáculos. Fez turnê pela América Latina, Estados Unidos e Europa, subindo em palcos consagrados, como o Teatro Nacional Chaillot, em Paris, Metropolitan Opera House, em Nova York, Royal Albert Hall, em Londres, Le Sporting Club, em Monte Carlo, e Luna Park, em Buenos Aires. Dançou para autoridades como os presidentes do Egito, El Salvador e Espanha – como também para a sua rainha.

Fabiano Silveira (Florianópolis/SC)

Bailarino, professor, coreógrafo e diretor, foi aluno de festejados mestres argentinos, como Osvaldo Zotto, Gabriel Angió, Natália Games, Alejandro Fillardi, Geraldine e Javier. Paralelamente, no Brasil, fez sua formação com Jaime Arôxa, no Rio de Janeiro. Logo, destacou-se em mostras e festivais de tango no Brasil e na Argentina.

Em 2003, notabilizou-se pela produção e direção do espetáculo “Florianópolis – Menina de Ouro e Luz”. Três anos depois, lançou o Congresso Internacional de Tango – Florianópolis Tango, reunindo, já em primeira edição, participantes do Canadá, Estados Unidos, Europa, Japão, países do Mercosul e de todas as regiões do Brasil.

Ainda em 2006, devido ao sucesso de seu primeiro congresso, Fabiano apresenta-se e dá cursos na Alemanha, Eslovênia e Itália, em temporada de 25 dias. No mesmo ano, repete o compromisso durante 23 dias pela Noruega, Suécia e França – a convite da revista “Le Temps de Tango”, para quem fez uma sessão de fotos nas ruas de Paris.

Em fevereiro de 2009, na quarta edição do Congresso Internacional de Tango, estreou novo espetáculo, “Origem – Espetáculo de Tango”, que conta a história do ritmo. Em maio, empreendeu temporada de 20 dias na Itália, assinando a direção artística de quatro congressos de tango semelhantes ao seu nas cidades de Como, Sicília, Perugia e Roma.

Alexandra Kirinus e Edson Nunes (Porto Alegre/RS)

O carioca Edson Nunes iniciou sua carreira de dançarino na academia de dança Chiquinha Gonzaga, atual Jaime Arôxa. Com formação em artes cênicas pelas escolas O Tablado, Faculdade da Cidade e UniRio, transferiu-se para Florianópolis, onde viveu por quinze anos. Desenvolveu metodologia própria junto com a mulher, a catarinense Alexandra Kirinus, formada em educação física pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e pesquisadora das danças de salão e suas origens.

Além de diversas montagens de espetáculos, o casal participou de festivais nacionais e internacionais como competidores, professores e jurados. O Centro de Dança Edson Nunes, fundado em 1991, na Capital catarinense, é conseqüência desta bem sucedida parceria. Em 2004, partiram para uma turnê na Ásia, dançando a bordo de um navio de cruzeiros por sete meses. Ao retornar para o Brasil, a dupla foi convidada por empresários gaúchos para se associarem a um projeto em Porto Alegre, onde atualmente comandam a Casa de Dança.

Roxana Fontan (Buenos Aires/Argentina)

Uma das mais expressivas cantoras argentinas da atualidade, nasceu em Humboldt, Santa Fé. Também é atriz, tendo participado do filme “Tango” (1998), de Carlos Saura. Após uma extensa carreira em seu país e no exterior, com gravações no Japão, Espanha e Itália, em 2005, lança sua primeira produção solo “Se Dice de Mi”, acompanhada por Pablo Ziegler, Juanjo Dominguez, Fernando Suarez Paz e Cardozo Ocampo, entre outros. Apresentou-se em palcos consagrados da América do Sul, Ásia, Estados Unidos e Europa.

Gustavo Lorenzo (Florianópolis/SC)

Filho de Diana e Gustavo Lorenzo, veio com a família em definitivo para Florianópolis em 1985. Argentinos encantados com a cidade, dedicaram-se ao ramo da gastronomia, tendo construído na década de 1990, no pequeno morro de acesso à praia de Cacupé, o restaurante João de Barro – o pássaro símbolo do Conesul. Em 1999, iniciaram a primeiras noites de tango, que se mantém na programação da casa até hoje. Um show de canto e dança com músicos argentinos, incluindo Gustavo ao microfone, e bailarinos locais.

Assessoria de comunicação:

Marcos Reichardt Cardoso

(SC 00461 JP)

(48) 9972-0991

marcosreichardtcardoso@yahoo.com.br


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s