Onde comprar sandálias de tango em Buenos Aires

Alma Sapatos de Tango - Divulgação

Alma Sapatos de Tango – Divulgação

 Agosto e setembro são os meses em que o pessoal mais viaja à Buenos-Aires, esse finzinho de inverno e início de primavera, o clima ameno e as inúmeras opções culturais, principalmente voltadas aos amantes do Tango tornam nossa irmã portenha especialmente irresistível.

E quem gosta de tango dificilmente volta de Buenos Aires sem um sapato ou uma sandalinha, não é mesmo, meninas?

Para quem dança, o sapato não é um acessório qualquer. É “o” acessório. Ou melhor, é a parte principal da indumentária.

Primeiro, porque usar calçados adequados é muito importante para evitar lesões nos pés ou nos joelhos.

Depois, porque o que você faz com o seu pezinho reflete a sua interpretação da dança. É praticamente a identidade do seu baile. E por isso todo mundo vai olhar para ele!

Até década de 90, os sapatos de tango eram bem simples e sem muitas variações. O furor pela dança nos últimos anos fez explodir o número de lojas e fabricantes em Buenos Aires, que transformaram o sapato de tango num objeto de fetiche. Depois que você compra o primeiro par, pode ter certeza, vai querer mais! É uma cachaça!

O que levar em conta na hora da compra:

NÚMERO: aqui na Argentina a gente tem que pedir um número maior. Ou seja, se você calça 35 no Brasil, aqui será 36. Parece uma bobagem, mas demorei em descobrir isso

MODELO: Para quem está começando, sugiro um modelo discreto, fechado no calcanhar e sempre com a pulseira ao redor do tornozelo. Isso é importante para que o sapato não saia do pé no meio do baile. A ponta pode ser fechada ou aberta (aqui chamada de boca de pez). Meu conselho é deixar as sandálias para uma segunda compra.

SALTO: Sapatos rasteiros não são muito indicados, porque o salto ajuda a deslocar o peso do corpo para o metatarso e isso ajuda na hora da dança. A única coisa que tem que levar em conta é que quanto mais alto o salto, menos base de apoio tem o pé, o que pode afetar o equilíbrio. Então, moderação nos “tacos”! Recentemente surgiram os tênis de prática, que não têm salto, mas são mais indicados para quem treina várias horas por dia.

MASCULINOS: Para os homens, a ideia é a mesma. Não opte por um sapato branco ou bicolor se você está começando! Discrição ao princípio, e ousadia com o passar do tempo. Dê uma olhada no site da 2x4alpie, que oferece solas que podem ser trocadas de acordo com o piso. Para o homem há três tipos de saltos: pastel (baixo), francês (de cerca de 4cm) e inglês (um pouco mais alto e afinado nos extremos).

QUALIDADE: Os sapatos de tango são caros porque são feitos à mão e de materiais nobres, como o couro. Isso permite, por exemplo, que o calcado seja flexível e respirável, ou seja, que os pés se mantenham cômodos e secos mesmo depois de várias horas de baile. É importante escolher bem a sola, que podem ser de couro ou de camurça. As de borracha não são adequadas porque não deslizam.

IMPORTANTE: Os sapatos de tango não são para usar na rua. Você os leva para a milonga numa sacolinha, usa e depois os guarda de volta. Todo um ritual que já estamos acostumadas!

Mapa do Tesouro: Ou Onde comprar suas sandálinhas amadas:

·         Alanis
·         Alma Buenos Aires  –   Estados Unidos 652
·        Comme Il Faut – Arenales 1239 puerta 3 dto. M
·         Darcos tango Shoes –    Sarmiento 835
·         Fabio Shoes   Riobamba 10 piso 10ª
·         Fatomano – Guatemala 4464
·         Flabella – Suipacha 263
·         Loló Gerard – Tomás de Anchorena 607
·         GretaFlora – Acuña de Figueroa 1612 e Uruguay 1295
·         Madresselva –  Av. Corrientes 3190 1 Piso e Venezuela 3502
·         Mimi Pizon – Venezuela 3502, Buenos Aires.
·         Neotango – Sarmiento 1938
·         Souple – Paraná 348 piso 2° dep
·         Soy Porteño – Alsina 1886
·         Suzana Artesanal – Jean Jaures 465
·         Taconeando – Arenales, 1606
·         Tango Leike – Sarmiento 1947
·         La Vikinga – Av. Entre Rios 469, 2° piso
·         PH Tango – Grito de Asencio 3602

Matéria publicada pela Gisele Teixeira do Aquí me Quedo. Leia AQUI! Aliais esse blog tem um monte de matérias bem legais sobre Buenos-Aires, vale a pena dar uma conferida!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s